BLOGS DO PORTAL TERRAS POTIGUARES NEWS

segunda-feira, 5 de julho de 2010

HISTÓRICO

A cidade de Mossoró, situada no Rio Grande do Norte, dado seu avanço em várias áreas, notadamente no que concerne a cultura, tornou-se destaque, atraindo turistas e empresários de vários estados do Brasil e de outros países.
Esta conquista deve-se a dedicação dos seus filhos e filhas que, integrados a instituições pertinentes, fortaleceram e multiplicaram seus feitos para valorizar a cultura e acelerar a marcha do progresso.
A participação da mulher Mossoroense, nesse progresso, sempre foi valorizada e tida como exemplar. Contudo, existia latentemente, um sonho, a necessidade de uma instituição própria e estruturada adequadamente para assegurar à mulher o exercício de ações lítero-cultural, organizadas, planejadas e fundamentadas no saber.

Esse desejo acalentado no seio das Mossoroenses, um dia povoou a mente da professora Maria de Fátima Castro, transformando-se em realidade que, alimentada pela persistência, foi crescendo, tomando corpo e materializando-se sob a forma de uma instituição que mais tarde veio a ser denominada: Academia Feminina de Letra e Artes Mossoroense – AFLAM.
Para a consecução desse objetivo, - a implantação desta Academia, muitas foram as reuniões e contatos empreendidos, objetivando:
a) – expor o projeto da academia, para a colheita de opiniões e busca de apoio de homens e mulheres que cultivam as letras e as artes, destacando-se:
- Elder Heronildes da Silva, Presidente da Academia Mossoroense de Letras – AMOL;
- Jerônimo Dix-sept Rosado Sobrinho, Presidente da Fundação Vingt-un Rosado (Coleção Mossoroense);
- Wilson Bezerra de Moura, Presidente do Instituto Cultural do Oeste Potiguar – ICOP;
- Professor Antonio Gonzaga Chimbinho, Secretário de Turismo do Município de Mossoró-RN;
- Maria do Socorro Cavalcanti, acadêmica e Coordenadora do Site da Academia de Letras e Artes do Ceará – ALACE.
b) - captar o interesse das mulheres Mossoroenses no que concerne à fundação e participação de uma academia, voltada para as artes literária, plásticas, cênicas, música, dança, etc.;
c) - formar uma comissão para agilizar o andamento das ações atinentes ao processo da criação e oficialização da AFLAM;
d) - elaborar o correspondente estatuto para juridicamente respaldar o funcionamento da entidade;
e) - compor uma diretoria para, no período de dois anos, fortalecer e dirigir os destinos da citada instituição;
f) - prestar informações sistemáticas à comunidade sobre o andamento da academia, através da imprensa e suscitar destas o empenho, tendo em vista o progresso da AFLAM e o desenvolvimento cultural de Mossoró.
Atuando com dedicação e desvelo, a comissão formada por Helenita Castro Soares, Maria Conceição Maciel Filgueira, Maria José Araújo, Symara Tâmara Fernandes Carlos, Taniamá Vieira da Silva Barreto e presidida por Maria de Fátima Castro, exerceu suas funções, concluindo o projeto, dando ênfase à sua divulgação, planejando e levando à concretude a solenidade destinada à oficialização da AFLAM e a posse da sua primeira diretoria.
Este evento, de elevado significativo para a classe feminina de Mossoró, deu-se no dia 17 de agosto de 2007, na Biblioteca Municipal Ney Pontes Duarte e teve como cerimonialista a jornalista e atriz Ivonete Pereira de Paula Barros, que posteriormente tomou acento na cadeira 15 da AFLAM.
Para presidir os trabalhos dessa solenidade, a cerimonialista convidou o professor Wilson Bezerra de Moura, Presidente do Instituto Cultural do Oeste Potiguar, como uma forma de homenagear o ICOP, pelos seus 50 anos de existência. Convocou também para compor a mesa as professoras Maria Fátima de Castro e Maria da Conceição Maciel Filgueira, respectivamente Presidenta e Vice-presidenta da AFLAM e as seguintes autoridades:
- Secretário de Cultura do Município de Mossoró, Professor Antonio Gonzaga Chimbinho;
- Presidente da Academia Mossoroense de Letra - AMOL, Professor Élder Heronildes da Silva;
- A acadêmica e coordenadora do Site da Academia de Letras e Artes do Ceará, a professora Maria do Socorro Cavalcanti;
- Presidente da Fundação Vingt-un Rosado, (Coleção Mossoroense) Dr. Jerônimo Dix-Sept Rosado Maia.
O Presidente da mesa, ao declarar aberta a sessão, anunciou os objetivos da solenidade e convocou a Secretária Symara Tâmara Fernandes Carlos para dar conhecimento, ao público, dos estatutos da AFLAM.
Em seguida os momentos mais importantes, emocionantes e por todos esperados: a oficialização da Academia, a posse e o juramento das acadêmicas integrantes da primeira Diretoria da AFLAM que, solenemente, prometeram fidelidade, respeito à instituição e lutar com afinco pelos seus objetivos.
Essa diretoria, tida como a primeira, foi formada pelas acadêmicas, fundadoras da AFLAM:
- Presidenta - Maria de Fátima de Castro
- Vice-presidenta - Maria Conceição Maciel Filgueira
- 1ª Secretária - Symara Tâmara Fernandes Carlos
- 2ª Secretária – Maria Goretti Medeiros Filgueira
- 1ª Tesoureira – Maria Goretti Serra
- 2ª Tesoureira – Railma Rodrigues Nunes
- 1ª Oradora – Helenita Castro Soares
- 2ª Oradora – Telma Gurgel da Silva
- Diretora de Comunicação – Izaíra Thalita da Silva Lima
- Conselho Fiscal - Francisca Lenilda da Silva
- Conselho Fiscal - Maria do Socorro Fernandes
-Conselho Fiscal - Maria José Araújo Melo de Sousa
- 1ª Suplente Conselho Fiscal - Taniamá Vieira da Silva Barreto
- 2ª Suplente Conselho Fiscal - Maria da Salete Fernandes
- 3ª Suplente Conselho Fiscal - Isaura Ester Fernandes Rosado.
Após esse momento caloroso, a Presidente Fátima Castro e a oradora da AFLAM, Helenita Castro Soares se pronunciaram, ressaltando o orgulho de pertencer a mesma e destacando o valor contributivo desta instituição, voltada para as letras e as artes, merecendo os aplausos do público e das demais confreiras.
Eu, Maria do Socorro Cavalcanti, como integrante da Academia de Letras e Artes do Ceará, e coordenadora do Site da ALACE, expressei meus sentimentos, por escrito, saudando e parabenizando as imortais e ratificando a continuidade do meu compromisso para com a AFLAM.
Discursaram de improviso, dando ênfase à importância da instituição criada e, enaltecendo o valor da mulher frente à sociedade, as autoridades: Elder Heronildes da Silva, Presidente da Academia Mossoroense de Letras – AMOL; Jerônimo Dix-sept Rosado Sobrinho, Presidente da Fundação Vingt-un Rosado (Coleção Mossoroense); Professor Antonio Gonzaga Chimbinho, Secretário de Turismo do Município de Mossoró-RN e o Dr. Wilson Bezerra de Moura, Presidente do Instituto Cultural do Oeste Potiguar – ICOP.
A programação desse evento foi também enriquecida com o lançamento do Jornal “PORANDUBA”, de responsabilidade do jornalista Francisco Rubens Coelho Figueiredo, que orgulhosamente se enquadra na luta pela valorização da cultural.
As manifestações de solidariedade à criação da Academia foram notoriamente constatadas através da presença numerosa dos:
-- representantes das instituições Mossoroenses: Associação Brasileira de Estudo do Cangaço; Fundação Vingt-un Rosado; Instituto Cultural do Oeste Potiguar; Secretaria Municipal de Cultura; Cooperativa de Turismo do Rio Grande do Norte; Agência de Desenvolvimento Sustentável do Nordeste; Academia Mossoroense de Letras; Associação dos Poetas e Prosadores de Mossoró; Museu do Sertão; Museu Municipal; Clube da Melhor Idade; Conservatório de Musica da UERN; Rotary Clube de Mossoró; Comissão Mossoroense do Folclore e Maçonaria de Mossoró;
-- representantes de instituições de outras cidades/estados: Academia de Letras e Artes do Ceará; Academia Apodiense de Letras;
-- familiares e amigos das acadêmicas que emocionados e atentos, presenciavam a oficialização da AFLAM, para através desta instituição ver as mulheres Mossoroenses dando continuidade à produção artística, como verdadeiras “IMORTAIS”.
Esse evento foi filmado pelo “Foto Rodrigues”, acompanhado pela TCM, TV Mossoró, jornalistas, radialistas, fotografado por inúmeras pessoas que, num gesto de solidariedade, ratificaram o apoio à essa nobre iniciativa.
Após a solenidade foi servido um coquetel ao som de voz e violão pelos artistas Symara Tâmara Fernandes (acadêmica), Carlos Moisés Morais e Genildo Costa.
Além disso, para apreciação dos convidados foi projetado, através do data show, no Salão Marieta Lima, fotografias da própria solenidade, organizadas por Maria do Socorro Cavalcanti e o Web designer Fábio Paiva de Medeiros.
Por último o belíssimo sarau apresentado pelas poetisas e atrizes Francisca Lenilda da Silva, Margareth Freire da Costa e Maria Goreth Serra de Sousa. Lamentamos por esse espetáculo não ter sido gravado, nem visto por todos os convidados. Contudo, oportunidades virão e essas encantadoras artistas, com certeza, serão calorosamente aplaudidas.
Pouco tempo depois (28.11.09) a AFLAM promoveu, no auditório da Estação das Artes Elizeu Ventania, a solenidade para empossar as sócias fundadoras e efetivas, cuja abertura foi precedida pela apresentação musical do Grupo de flautas do Conservatório de Música D'Alva Stela Nogueira, da UERN.
Essa festa foi iluminada pelo brilho dos olhos das acadêmicas que não escondiam a satisfação em adentrar na academia, para fazer valer o reconhecimento do seu valor artístico, enaltecer a sua terra e se tornarem imortais.
Ao concluir a solenidade foi anunciado o coquetel e procedido o lançamento do livro, "ARREMEDO À IMORTALIDADE", de autoria da acadêmica Ângela Maria Cunha Fausto de Medeiros. Essa obra, de grande valor histórico, constitui o “ELOGIO” à professora Maria Elza Fernandes Sena, como Patrona da cadeira 20 da AFLAM, ocupada pela citada acadêmica.
O referido coquetel foi servido no pátio da Estação das Artes Elizeu Ventania, ao som da Banda de Música Arte Milenar, conjunto ligado à Maçonaria.
Nesse mesmo recinto foram expostas as fotos das acadêmicas, as quais serão afixadas no Salão Nobre da sede da AFLAM. Posteriormente a Diretoria da AFLAM, considerando os festejos Natalinos, resolveu fixar o recesso com retorno determinado para o pós-carnaval.
Ao retoma as atividades, seguindo o calendário, foi promovido uma visita ao Porto Ilha e as Salinas Guanabara, onde o empresário do ramo salineiro, Sr. Gilton Ribeiro proferiu uma palestra, tendo como tema “O Pólo Salineiro”.
No mês de junho/2008, a AFLAM juntamente com o Museu do Sertão promoveram, na Fazenda Rancho Verde, o “São João Cultural”, com a seguinte programação:
- Discurso de elogio a poetisa, jornalista e musicista Cordélia Silva, Patrona da cadeira 22 da AFLAM, pela sua ocupante a escritora, professora e advogada Susana Goretti Lima Leite, distribuindo em seguida uma plaqueta contendo a biografia com anexo de vários poemas da supracitada patrona;
- Concessão de Título Honorífico aos senhores Benedito Vasconcelos Mendes e Gilton Cavalcante Ribeiro;
- Entrega de Diploma a acadêmica Maria Honorata Aires;
- Visita ao acervo do Museu do Sertão;
- Confraternização junina, seguida de música regional e comidas típicas.
Através da sua presidente e ou acadêmicas a AFLAM também se fez presente em vários eventos culturais na cidade de Mossoró, tais como: lançamentos de livros, debates e palestras. Em parceria com outras entidades, foi prestada homenagem a América Fernandes Rosado Maia, (ocupante da cadeira 21 da AFLAM), por ocasião do seu aniversário. Na cidade de Martins para comemorar os 100 (cem) anos do escritor Raimundo Nonato. No município do Apodi, esteve presente a solenidades promovidas pela Academia Apodiense de Letras – AAPOL. Em Fortaleza-CE, tomando acento a mesa diretora da Academia de Letras e Artes do Ceará - ALACE, composta para a solenidade de entrega dos prêmios aos vencedores do Concurso Nacional “ALACE VALORIZA A CULTURA”, coordenado pela confreira daquela academia, a professora Maria do Socorro Cavalcanti.
Por último, com vistas a sede da AFLAM, a presidenta Fátima Castro enviou um anteprojeto ao governo Federal, pleiteando a construção da mesma agregada ao Centro Cultural, nos espaços da Universidade Federal Rural do Semi-ardido - UFERSA.
Esse caminhar de Fátima Castro, em busca do desenvolvimento da a AFLAM, tornou-se impossível dado o fato da mesma ter sido acometida por problemas de saúde, (passando praticamente um ano em tratamento médico), impedido-a de manter o ritmo de trabalho que a AFLAM estava a merecer.
Levada pelo senso de responsabilidade, Fátima Castro abdicou do cargo de Presidenta da AFLAM, lendo na reunião do dia 14.08.2009, para as demais confreiras, a Carta/documento, oficializando sua renuncia, e passando documentos da instituição às mãos da vice-presidenta.
Neste momento, Maria Conceição Maciel Filgueira assumiu o cargo de Presidenta da AFLAM, falando em seguida, ressaltando a contribuição dada à Academia, pela confreira Maria de Fátima Castro e convocando todas as acadêmicas para, irmanadas, assegurar o cumprimento dos objetivos da AFLAM.
Outras confreiras falaram, agradecendo o trabalho desenvolvido pela ex-presidenta, se colocando a serviço da instituição, demonstrando credibilidade na nova Presidenta que assumiu o cargo: Maria Conceição Maciel Filgueira.
Nessa reunião, a atual presidenta da AFLAM deu sinais de liderança, conduzindo a reunião com uma agenda que indicava a indispensabilidade da atuação de todas as confreiras, para a retomada dos trabalhos e assegurar os destinos da AFLAM.

OBSERVAÇÕES:

1) - Para dar seguimento a redação deste Histórico, que versará sobre uma nova fase da AFLAM - a administração exerida pela Presidenta Maria Conceição Maciel Filgueira - a pesquisa será intensificada na busca das informações atinentes, para serem postas na Site, paulatinamente;

2) - Quanto a atualização das demais páginas do Site, a mesma será realizada à medida que houver disponibilidade de matéria, nunca ultrapassando o prazo máximo de 02 meses.

Um comentário:

  1. Fortaleza, 26 de junho de 2012

    Informamos que a Academia de Letras e Artes do Ceará (ALACE), tendo em vista incentivar a criação literária e promover a divulgação de trabalhos classificados, lançou o II° Concurso Nacional “ALACE VALORIZA A CULTURA”.
    Para tanto, convidamos V. Sa., a se inscrever e ou a divulgar essa atividade que deve ser encarada como oportuna, por todos nós que prestigiamos e zelamos pela literatura e as artes.

    Esse Concurso inclui as categorias Prosa (crônica) e Versos (trovas), com inscrição prevista para o período: 09 de junho a 08 de setembro de 2012.

    Para ler o Regulamento, clique no link: http://www.academia-alace.com.br/intercambio.html#academias-4

    Para elucidação de dúvidas, utilizar o e-mail: concursoalacevalorizacultura@hotmail.com

    Para ler as notícias atinentes ao Concurso, clique no link: http://www.academia-alace.com.br/noticias.html e role a página até as manchetes relacionadas ao citado Concurso.

    Saudações, Maria do Socorro Cavalcanti - Coordenadora do Concurso e Vice-presidente da LACE

    ResponderExcluir

POSTAL OESTE NEWS

POSTAL OESTE NEWS
A SUA ENCICLOPÉDIA DIGITAL, COM 10 BLOGS E MAIS DE 500 LINKS